PUBLICAÇÕES

Avaliação do ambiente legal para atores da sociedade civil, incluindo organizações filantrópicas no Brasil

2022

A publicação Avaliação do ambiente legal para atores da sociedade civil, produzida no âmbito do programa Doar para Transformar, se propõe a: (1) compartilhar o mapeamento de problemas e oportunidades relacionados ao ambiente legal de atuação das OSCs; (2) divulgar agendas e iniciativas para aprimoramento do ambiente legal das OSCs; (3) fornecer informações para organizações que queiram se engajar com ações de advocacy relacionadas ao aprimoramento do ambiente legal; (4) indicar materiais e outras fontes de informações sobre o tema.

capa_pt.jpg

Assessments of the Legal Environment for Civil Society Actors including Philanthropic Support Organizations in Brazil

2022

The publication Assessments of the Legal Environment for Civil Society Actors including Philanthropic Support Organizations in Brazil, produced within the scope of the Giving for Change program, proposes to: (1) share the mapping of problems and opportunities related to the legal environment in which CSOs operate; (2) publicize agendas and initiatives to improve the legal environment of CSOs; (3) provide information to organizations that want to engage in advocacy actions related to improving the legal environment; (4) indicate materials and other sources of information on the topic.

capa_en.jpg

Mapa conceitual e estratégico

2021

Este Mapa Conceitual e Estratégico foi proposto com o objetivo de apoiar o processo participativo e colaborativo de desenvolvimento das ações da Rede de Filantropia para a Justiça Social no âmbito do Programa Doar para Transformar, inclusive a estruturação de um programa de incidência.
Queremos agir coletivamente, e para isso é preciso construir também coletivamente não apenas as ações que operacionalizam estratégias, mas os conceitos e as bases teóricas que sustentam a mudança sistêmica que buscamos. Esse documento é um convite para a reflexão e para a ação coletiva.

capa_.jpg

Challenges in communication community philanthropy and philanthropy for social justice

2021

This publication is a collection of four articles developd with the collaboration of the communicators involved in the organizations associated to the Brazilian Philanthropy Network for Social Justice (Network). These pieces are the result of collective interviews held in mid-2020 with the aim of mapping and reviewing the communication challenges faced by community philanthropy and philanthropy for social justice, as well as highlighting the communication strategies developed by community and issue-oriented funds comprising the Network.

capa_en.jpg

Os desafios na comunicação da filantropia comunitária e de justiça social

2021

Esta publicação reúne uma série de quatro reportagens realizada com os/as comunicadores/as das organizações membros da Rede de Filantropia para a Justiça Social (Rede). As reportagens publicadas são fruto de entrevistas coletivas realizadas em meados de 2020 com a finalidade de mapear e analisar os desafios para a comunicação na filantropia comunitária e de justiça social e dar visibilidade às estratégias de comunicação desenvolvidas pelos fundos temáticos e comunitários que integram a Rede.

capa_pt.jpg

Expanding and strengthening community philanthropy in Brasil

2021

The first version of this publication dates back to the year 2019. Considering its relevance to the field, the audience reached and the impacts produced, the Brazilian Philanthropy Network for Social Justice (RFJS) has decided to release it again, updating its information (based on the Research titled The work of the Member Organizations in the years 2019 and 2020, conducted in early 2021), within the context of the Giving for Change Program, under the Collection that will encompass working materials, publications on theoretical debates, capacity building and sharing of experiences, ensuring free access and distribution, translated into multiple languages.
This paper intends to describe the current scenario of community philanthropy in Brazil and worldwide, by defining concepts and mapping important trends and experiences in the field.
This work, which proposes a preliminary approach to the issue, was prepared on the basis of bibliographic and document research, as well as testimonies gathered during interviews held with a number of professionals engaging in philanthropy and private social investment in Brazil. This paper was conceived as an open-ended endeavor, a starting point, which does not purpose to be a complete or finished document, but a kickoff point to a reflection on the practices and experiences surrounding this topic, to contribute to the strengthening of community philanthropy in Brazil.

capa_en.jpg

Expandindo e fortalecendo a filantropia comunitária no Brasil

2021

Este documento tem a finalidade de apresentar o cenário da filantropia comunitária no Brasil e no âmbito internacional a partir da definição de conceitos e do mapeamento de tendências e experiências significativas no campo.
Este trabalho, que pretende ser uma aproximação inicial sobre a temática, foi elaborado com base em levantamentos bibliográficos e documentais e a partir de depoimentos recolhidos em entrevistas realizadas com diversos/as profissionais que atuam no campo da filantropia e do investimento social privado no Brasil. Ele foi concebido como um trabalho aberto, na verdade um pontapé inicial, que não pretende ser um documento completo e acabado, mas o ponto de partida para refletir sobre as práticas e experiências com a finalidade de contribuir com o fortalecimento de filantropia comunitária no país.
A primeira versão desta publicação foi desenvolvida no ano de 2019. Levando em conta a sua relevância para o campo, os públicos e impactos alcançados, a Rede de Filantropia para a Justiça Social decidiu relançá-la, atualizando informações (com base na pesquisa a Atuação da Organizações Membro Pesquisa nos anos de 2019 e 2020, realizada em início de 2021) e no contexto do Programa Doar para Transformar, integrando o selo que abarcará materiais de trabalho, publicações de debate teórico, de fortalecimento de capacidades e compartilhamento de experiências, com acesso e distribuição gratuitos e com tradução para outros idiomas.

capa_pt.jpg

The role and protagonism of civil society in the facing of the Covid-19 pandemic in Brazil

2021

This study examines the path trailed by civil society and Brazilian philanthropy since the 1980s, which is crucial to the understanding of the dynamics and trends that support one of the theses developed throughout this work: civil society as a strategic element in the consolidation process of Brazilian democracy. Civil society organizations (CSOs) faced, in recent years, numerous reputation attacks and challenges concerning their political and financial sustainability. Faced with the Covid-19 crisis, they sought not only to oppose the prevailing denial and necropolitics through the construction of political agendas and networking, but also to produce responses based on the development of a set of practices and experiences founded on self-management and community organization. From a study of multiple cases, conducted with institutions selected according to the established criteria, it was determined that the CSOs were capable of building agendas, narratives, languages and forms of production and organization based on self-management, experiences based on a social dynamic where work and politics tend to coincide, as part of a process involving, at the same time, the organization of activism and production. They found independent ways to provide innovative responses to the crisis, coordinating actors, territories and communities, initiatives and resources, and searching for solutions involving everything from the distribution of food baskets to conducting information and humanitarian aid campaigns, in addition to conceiving innovative activism and resistance strategies, in the face of an adverse scenario.

WhatsApp Image 2021-07-20 at 09.54.41.jpeg

O papel e o protagonismo da sociedade civil no enfrentamento da pandemia da Covid-19 no Brasil 

2021

Este estudo faz uma análise da trajetória da sociedade civil e da filantropia brasileira a partir dos anos 1980, fundamental para compreender dinâmicas e tendências que deem sustentação a uma das teses desenvolvidas ao longo do trabalho: a sociedade civil como um setor estratégico no processo de consolidação da democracia brasileira. As organizações da sociedade civil (OSC) sofreram, nos últimos anos, inúmeros ataques reputacionais e enfrentarem desafios no que diz respeito à sua sustentabilidade política e financeira. Frente à crise da Covid-19, buscaram não apenas contestar a necropolítica e o negacionismo predominante por meio da construção de agendas políticas e da articulação em redes, mas também gerar respostas, a partir do desenvolvimento de um conjunto de práticas e experiências baseadas em autogestão e organização comunitária. A partir de um estudo de casos múltiplos, com instituições selecionadas por critérios estabelecidos, observou-se que as OSC foram capazes de construir agendas, narrativas, linguagens e formas de produção e organização baseadas na autogestão, experiências fundamentadas numa dinâmica social onde o trabalho e a política tendem a coincidir, formando parte de um processo que envolve, ao mesmo tempo, a organização da luta e da produção. Encontraram formas autônomas de dar respostas inovadoras à crise, articulando atores, territórios e comunidades, iniciativas e recursos, e buscando soluções que envolveram desde a distribuição de cestas básicas até a condução de campanhas de informação e de ajuda humanitária, além de instalarem estratégias inovadoras de luta e resistência, frente a um cenário adverso.
Este artigo integra a série Estudos Emergência Covid (https://cutt.ly/ineNpyG), que publica reflexões e análises de pesquisadores brasileiros de diferentes áreas do saber com o objetivo de estimular, ampliar e disseminar a produção de conhecimento qualificado sobre os impactos da pandemia no campo da filantropia, do investimento social privado e das organizações da sociedade civil no Brasil.

2021_gife.jpeg

Medindo o que importa

2020

Esse documento de consulta foi elaborado para avançarmos na conversa sobre mensuração das ações no âmbito da sociedade civil. Seu objetivo é identificar abordagens que tenham maior impacto em termos de aprendizagem organizacional e prestação de contas. Esse trabalho é uma publicação conjunta do Candid, do Global Fund for Community Foundations e do Philantropy for Social Justice and Peace.

WhatsApp Image 2021-02-17 at 12.57.20.jpeg

Measuring what matters

2020

This consultation paper is designed to advance a conversation about measurement in civil society. The goal is to identify more meaningful approaches to organizational learning and accountability. The paper is jointly published by Candid, the Global Fund for Community Foundations (GFCF) and Philanthropy for Social Justice and Peace (PSJP).

WhatsApp Image 2021-01-18 at 19.21.13.jpeg

Liberando o potencial da filantropia

2020

Este guia destina-se a todos os financiadores – institutos, fundações, empresas e filantropos - que desejam compreender como podem contribuir para ampliar o potencial da filantropia de construir sociedades mais resilientes, sustentáveis e democráticas. É disso que se trata o ecossistema de apoio à filantropia, também chamado de infraestrutura de filantropia. É sobre desenvolver e mobilizar recursos privados para a produção de bem público, fortalecer a sociedade civil
e a democracia, e promover o alcance dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS). Ele é fundamental para a missão de todos os financiadores visionários que querem aumentar o impacto e a sustentabilidade de seu trabalho.

WhatsApp%20Image%202020-12-16%20at%2013.22_edited.jpg

Rethinking civic space in an age of intersectional crises: a briefing for funders

2020

This paper is based on a briefing note prepared for the “Future of Civic Space” convening, which took place in London in December 2019. The convening was organised by the Funders Initiative for Civil Society (FICS), which had been tasked with elaborating a strategic framework through which independent funders could respond more effectively to the phenomenon of closing civic space through collaborative and targeted interventions.

WhatsApp Image 2020-11-30 at 15.46.38.jpeg

Repensando o espaço cívico em uma era de crises interseccionais: um resumo informativo para financiadores

2020

Quando estávamos finalizando este texto, no início de abril de 2020, o extraordinário impacto global da crise da Covid-19 começava a tomar forma, ilustrando como a interseção das crises sistêmicas e das respectivas respostas dos governos vai continuar afetando radicalmente o espaço cívico no futuro próximo — para melhor e para pior — e que os principais problemas e motivadores identificados neste documento serão aqueles que continuarão a moldar os contornos e o impacto dessas respostas. Incorporamos pensamentos preliminares sobre a crise da Covid-19 e adotamos a metodologia "futures thinking" para abordar as mudanças climáticas e tecnológicas. As respostas às oportunidades e ameaças criadas pela Covid-19 serão fundamentais para as diretrizes que desenvolveremos para os financiadores nas próximas semanas.

WhatsApp Image 2020-11-30 at 15.46.14.jpeg

Estudo Impacto da COVID-19 nas OSCs Brasileiras

2020

Vivemos uma crise sem precedentes em todo o mundo. Neste momento, busca-se responder às questões mais urgentes e as Organizações da Sociedade Civil (OSCs) são peças fundamentais deste processo. Mas qual é o impacto da COVID-19 nas OSCs brasileiras? Como o Terceiro Setor deve repensar sua ação neste momento imediato? E como deve se preparar para o pós-crise? Essas são perguntas que norteiam o estudo Impacto da COVID-19 nas OSCs brasileiras: da resposta imediata à resiliência.

Anotação 2020-08-19 161531.png

Boletim de Análise Político-Institucional - Organizações da Sociedade Civil no Brasil

2019

O objetivo do Boletim de Análise Político-Institucional (BAPI), publicação do IPEA em julho de 2019, reúne 12 artigos de pesquisadores e pesquisadoras de diversas instituições de modo a explicitar a complexidade que o debate sobre a atuação das OSCs tem assumido no Brasil no período recente e os múltiplos esforços em andamento para ampliar, aprimorar e qualificar o conhecimento produzido sobre o setor e é dividida em três partes.

boletim.jpg

Individual giving in India, Russia, The Arab Region and Brazil - A working paper

2019

A publicação Doações individuais na Índia, na Rússia, na região árabe e no Brasil integra a série de estudos sobre Filantropia promovida pelo grupo Philanthropy for Social Justice and Peace )PSJP). Este documento é de autoria de Caroline Hartnell e publicado pelo PSJP em associação com a Revista Alliance, CAF Rússia, Rede de Filantropia para a Justiça Social, Instituto para o Desenvolvimento do Investimento Social (IDIS), SAANED e WINGS.

2.jpg

Debates e reflexões sobre a filantropia no Brasil

2019

A publicação Debates e reflexões sobre a filantropia no Brasil reune nove artigos escritos por diversos/as autores/as que atuam no campo da filantropia em nível nacional e internacional. Os textos que integram esta coletânea surgem da necessidade de aprofundar e complementar as análises apresentadas no relatório elaborado em 2018 - Filantropia no Brasil - levando em conta que o cenário político vem atravessando por mudanças significativas, impactando o setor filantrópico e a sociedade civil no Brasil.

3.jpg

FILANTROPIA COMUNITÁRIA: Terreno fértil para o Desenvolvimento Social

2019

Esta publicação, realizada com o apoio da Mott Foundation, sistematiza a trajetória da construção conjunta de conhecimento sobre o tema ao longo do ano de 2018, que teve início com uma imersão sobre o conceito e a realidade da filantropia comunitária no Brasil e no mundo, passando pela escuta de especialistas e lideranças da área e, por fim, a realização de um edital no Estado de São Paulo para o mapeamento das organizações e iniciativas filantrópicas comunitárias. Os achados reforçam o potencial desse campo, assim como a necessidade de ações para fortalecer e aumentar a difusão dos conceitos relacionados ao tema.

filantropia-comunitaria-terreno.png

Philanthropy in Brazil - A working paper [English version]

2018

Underlying any discussion on ‘philanthropy’ in Brazil is a fundamental question of terminology. It is often said that ‘social investment’ or ‘private social investment’ is the term most commonly used in Brazil rather than ‘philanthropy’. This is true, but it isn’t the whole picture. For one thing, there are different understandings of what is meant by ‘social investment’.

PHILANTHROPY IN BRAZIL MAY 2018-1.jpg

Filantropia no Brasil - Síntese do Relatório

2018

Existe um consenso geral de que o setor de filantropia do Brasil está crescendo, porém não tão rápido e com certeza não proporcionalmente à crescente riqueza do país. Ele ainda precisa concretizar o que a maioria das pessoas entende ser seu potencial integral.

Philanthropy in Brazil Summary Portuguese-1.jpg

Philanthropy in Brazil - Summary Report

2018

There is general agreement that Brazil’s philanthropy sector is growing, but not very fast, and certainly not in proportion with the country’s growing wealth. It has yet to fulfil what most see as its full potential. Brazil is currently the world’s ninth largest economy, with the eighth largest number of billionaires in the world, yet it ranks as 75th in Charities Aid Foundation’s (CAF’s) 2017 World Giving Index.

Philanthropy-in-Brazil-Summary-English-1.jpg

Chegou a hora de transferir o poder? Filantropia comunitária e desenvolvimento sustentável – #ShiftThePower

2018

Qual a probabilidade de uma determinada organização promover mudanças de fato duradouras? Milhões de dólares são investidos e esforços incalculáveis são empenhados em tentativas coordenadas que procuram construir uma vida melhor para pessoas e comunidades em todo o mundo.

capa-book.png

Filantropia de justiça social, sociedade civil e movimentos sociais no Brasil

2018

A publicação “Filantropia de justiça social, movimentos sociais e sociedade civil no Brasil” reúne um conjunto de 22 de textos que, desde diversas abordagens teóricas e práticas, apresenta análises e reflexões sobre o cenário da filantropia de justiça social no Brasil e as suas interfaces e articulações com grupos e organizações da sociedade civil, e movimentos sociais. Muitos dos artigos foram escritos por membros da Rede e por parceiros estratégicos do âmbito nacional e internacional.

livro_filantropia-de-justica-Social.png